Encontrei a Amy numa manhã de sol no bairro Château Rouge. Tomamos um café e curtimos juntas as ruas e lugares cheios de cores e vida que estão sempre esperando quem passa por lá...


O que a música representa para você?

Então a música, para mim, é uma extensão de mim mesma. É uma espécie de refúgio, um lugar onde eu realmente posso me encontrar, recarregar minhas baterias, me questionar e escrever coisas que não consigo perceber. 

Vestido Patricia, Cardigan Noemi e Bolsa Mila


Quais são as suas melhores lembranças deste bairro?

A melhor lembrança que tenho do Château Rouge são os tempos que passei com minha mãe, que comprava tecidos, tecidos africanos. Eu realmente me lembro de um bairro cheio de cores. Um bairro que está cheio da minha comunidade porque eu venho do Mali... 

Vestido Cecília e Bolsa Mila


Para você, o que quer dizer voar e ser livre?

Então, para mim...ser livre... não... é algo adquirido... 

Por causa de todos os constrangimentos que a sociedade nos impõe. Mas para mim, ser livre é um trabalho, é um trabalho diário. É um sentimento, um sentimento que você sente lá no fundo. É estar alerta às energias sutis, é seguir uma certa fluidez, uma certa dança que a vida nos dá. E quando seguimos essa dança, muitas vezes, significa que estamos em um estado de liberdade e que estamos no caminho certo.


por Luisa Meirelles.

Visite o perfil da Amy no instagram!